História /

Tudo sobre a história do MIDA

“Quer te desvies para a direita, quer te desvies para esquerda, os teus ouvidos ouvirão a palavra que será dita atrás de ti: ESTE É O CAMINHO; ANDAI NELE”.  Isaias 30: 21

O MIDA nasceu como Comunidade Batista Getsêmane. Tudo começou em 1987 com a minha consagração ao Ministério Pastoral. Eu recebi um sonho de pastorear um povo que vive como cristãos vitoriosos em todas as áreas. Porém, o desafio era eu mesmo vencer, ser um pastor vitorioso em todas as áreas, para então levar os outros a vencer!

Em meio ao desafio do sonho surgiram problemas, perseguições e rejeições ministeriais, abandono dos que mais amávamos, entre outros. Porém a semente estava lá, só à semente! Foi então que nasceu em meu coração o desejo de ir embora do estado do Espírito Santo, o caminho mais fácil. Surgiram dois convites para pastorear em outros estados, convites mais honrosos, porém o sonho para minha vida já estava pronto, em Deus que me elegeu. Mas, eu só tinha a semente no coração.

Foi daí, que em Julho de 1995 que recebi a ordem do Senhor: “Comece a regar a semente...”. Então viemos para Guaranhuns sem conhecermos ninguém, porém conhecidos  por AQUELE que nos enviou. Começamos a regar a semente na sala de uma casa (Célula) em 19 de julho de 1995 e em 30 dias o milagre chegou a nós. Inauguramos o templo, em um salão alugado, na Av. Sergio Cardoso 1375, em 19 de Agosto de 1995. De lá pra cá, muito trabalho e perseverança para cuidar da semente até que ela brotasse e agora pudéssemos começar a ver os frutos. Para que a semente prosperasse Deus nos “Regou” com a “Visão Celular no Modelo dos Doze”, em 2001, desatamos um processo intenso de libertação e cura, em nós pastores e por extensão nos discípulos. 

Então vi o sonho que eu recebi em 1987, começar a se cumprir. Comecei a viver como cristão vitorioso e a fazer discípulos vitoriosos, pois esta é a Lei da Reprodução, só reproduzimos o que somos, geramos conforme a espécie. Em meio a tanto trabalho para fazer a semente frutificar, em 2005, num Congresso da Visão Celular na Colômbia, veio a mim a “Voz interior” do Espírito Santo, e me disse: “O sonho não pára por aí, você será restituído do que perdeu , vou te devolver territórios”.

Durante o ano de 2006, a aliança com o Senhor, o autor do sonho, foi detalhadamente restaurada e selada com a consagração apostólica em novembro. Durante o ano de 2007, cada detalhe da base para a restituição foi ajustado, tudo foi colocado em ordem dentro de mim, na família e na igreja. A “Voz interior”, continuou a me dizer: Avance, este é o caminho, alargar as tendas, andai nele. “E nós obedecemos, por que a obediência é a chave do êxito e gera benção".

Em 2008, nos 13 anos do MIDA, foi o nosso “Bat Barak”, o cumprimento do decreto: somos filhos da benção livres para prosperar em tudo. Alargamos o sonho, que já era nosso por herança, dado por Deus. Veio então a unção apostólica da minha esposa, e nos tornamos assim de fato uma igreja apostólica. Somos povo de Deus apostólico! Desde então, temos regado a semente e velado pela promessa, ocupando os territórios, ampliando o discipulado das equipes de líderes rumo ao êxito. ”Como a areia do mar e as estrelas dos céus" uma multidão de filhos devolvidos ao propósito do Eterno.

Amamos vocês filhos da benção, livres para conquista e para viver o fruto do decreto divino.

Seus Apóstolos,

João Neto e Sayonara Freire